Wine Explorers : Provando vinhos pelo mundo | Hope In Love
Tecnologia do Blogger.

Wine Explorers : Provando vinhos pelo mundo

Com a intenção de fazer um inventário global do vinho e lançar livros sobre o tema, dois franceses iniciaram em 2014 uma expedição que prevê uma jornada de três anos, por 92 países.
Jean-Baptiste Ancelot, de 29 anos, e Ludovic Pollet, de 27, são os protagonistas dessa ambiciosa e invejável jornada. Eles querem visitar todos os países produtores de vinho do planeta e, claro, provar a bebida desses lugares. O projeto foi batizado de Wine Explorers (exploradores do vinho) e já passou por 23 países. O primeiro ano de viagem foi encerrado no Brasil, onde  passaram três semanas.






Jean-Baptiste trabalhou por alguns anos como diretor de exportações de vinícolas na França, em Zurique, Hong Kong e Nova York e tem mestrado em administração do mercado de vinhos. Ele conta que enquanto planejava a viagem, decidiu chamar Ludovic, que é fotógrafo e câmera, e com quem tinha amigos em comum. “Eu não queria mais uma pessoa especializada em vinhos. Queria alguém sensível, que representasse o lado do consumidor. São dois pontos de vista que se complementam”, conta.

Em média, a dupla viaja durante três meses dentro de um mesmo continente. Após isso voltam para a França para tirar os vistos e planejar a próxima fase da viagem.

No itinerário da Wine Explores há países com produção consagrada na área – como Itália, África do Sul e sua terra natal, a França – e também há outros considerados “exóticos”, como Etiópia e Namíbia.

O Brasil se inclui neste segundo grupo. “Na Europa, quando pensamos no Brasil, pensamos em futebol, em samba, mas não se fala de vinho”, diz Jean-Baptiste. Mas eles dizem que ficaram surpresos com o que encontraram aqui na terra verde e amarela. “Vimos que há toda uma indústria vinícola e provamos alguns vinhos de alta qualidade. Não só espumantes [pelos quais o Brasil é mais conhecido], mas provamos alguns tintos também”, afirma.

Para Jean-Baptiste, o solo brasileiro tem um potencial que lembra o do norte da Itália e pretende voltar ao Brasil dentro de alguns anos, para acompanhar o desenvolvimento do mercado. "Queremos encontrar de novo as pessoas, ver como o vinho brasileiro evoluiu. Acho que tem muito potencial", diz.

Sem parada obrigatória


A viagem também é uma aventura. Pois não é planejada nos mínimos detalhes. A preferência é por se hospedarem em casas de pessoas locais ou nas próprias vinícolas. Cada dia é uma aventura. "Tem vez que não sabemos onde vamos dormir. E lembre-se de que cada um carrega mais de 40 kg de bagagem. Viajamos de forma bem intensa”, afirma Jean-Baptiste.

Além de visitar os locais de cultivo e de participar de degustações em restaurantes e espaços especializados. A dupla dá preferencia a conversas com sommeliers e outros especialistas para entender melhor o universo de vinho em cada lugar.

Eles já chegaram a provar 19 vinhos diferentes em apenas uma manhã. Isso aconteceu  na África do Sul. Mas na maioria das vezes, aliás, eles não engolem a bebida, mas cospem depois de tomá-la. “Não bebemos vinho todo dia. Quando você ama algo, não deve fazer diariamente, ou deixa de ser uma paixão e vira uma obrigação”, diz.
Os dois também afirmam que adoram uma cerveja gelada de vez em quando e que têm “boas memórias de caipirinhas de maracujá e caju” do Brasil.




O projeto não é autossustentável. Eles contam com alguns patrocinadores ligados ao mundo do vinho, que custeiam cerca de um terço da jornada. De tempos em tempos, são renovados os parceiros de viagem. E eles garantem que vão finalizá-la de qualquer maneira. “Somos os primeiros a fazermos esse inventário global de todos os países produtores de vinho. E estamos falando de uma bebida que une as pessoas no mundo todo. Quando estou desanimado, penso nisso. É o que me dá energia para continuar”, diz Jean-Baptiste.
Compartilhe no Google Plus

Sobre Anna Vlis

Anna Vlis (Silvana), tenho 36 anos, sou mãe, amiga e blogueira, apaixonada por pessoas que transpiram bondade,amor e honestidade. Completamente fã dos meus filhos, ávida por boa leitura e filmes. Extremamente sonhadora. Cheia de defeitos e manias e sempre com um sorriso nos lábios. Eternamente grata ao meu maior amor, Jesus. Beijinhos lilás S2
    Comentários Blogger
    Comentários Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigada por seu comentário! Isso me incentiva a postar sempre.

Não deixe link de blogs em seu comentário, para isso pode comentar como nome/url e deixar o link do seu blog. Bjinhos lilás <3